O que eu penso sobre maternidade

Instasize(5)(30)

Eu gosto muito de crianças, e quem me conhece sabe o quanto amo meus sobrinhos ( Sofia e Davi * ver essa fofurinha aqui ), e sabe também o quanto botei fé em Pedagogia por gostar da companhia das crianças (Vamos concordar  que elas são extremamente sinceras e espontâneas, e  existem poucas pessoas adultas assim!) .

Mas minha vida profissional atuando como berçarista e professora de ensino básico foi bastante curta, porque realmente encontrei muita dificuldade em levar como um trabalho algo que é tão  bom, como é  cuidar de criança. Eu sei, parece contraditório dizer isso, mas acontece que eu  tenho um lado viciado em trabalho  que necessita que trabalho  seja extremamente profissional, sério e com certa pressão  (coisa de quem está acostumada com vendas e trabalhos administrativos burocráticos). Enfim, percebi através  da faculdade de Pedagogia, e das curtas experiencias na área que misturar meu amor por crianças e trabalho não  tinha nada haver.

E resolvi  desde então  demonstrar  esse amor por crianças, depositando mais atenção e carinho nos meus sobrinhos, afinal  de contas ainda não  tenho filhos.

É, eu disse  AINDA, porque pretendo sim te-los!

Com certeza não  agora, por muitas razões ( Ainda não  me apaixonei o  suficiente por alguém para cogitar casamento, quando acontecer vou ter de amar muito essa pessoa, e o tal terá de me amar ainda mais, daí em comum acordo*  e só me caso com quem concordar  em ter filhos rs … daí  sim, meus babys!), mas sim pretendo mesmo  os ter!

Sou  de uma  família grande (6 irmãos), e amo casa cheia rs!

Não teria tantos quanto minha mãe, mais até  uns três ou quatro seria ótimo! 

Mas o mundo parece estar querendo me fazer desistir do sonho da maternidade, digo isso por alguns acontecimentos recentes…

Acompanhei minha mãe ao hospital há  alguns dias, e do meu lado sentou uma senhora que aguardava pelo atendimento ( que como sabemos  no hospital público demora uma eternidade)  e resolveu me dar conselhos sobre me manter longe da maternidade.

Primeiro a senhora perguntou  se eu era mãe, ou pretendia ser. Ao ouvir minha resposta disse  ‘  Esqueça  sua ideia  sobre ter filhos!  Eles roubam seu tempo, sua paz, exigem atenção,  dinheiro, desgastam sua saúde,  roubam sua beleza, deformam seu corpo! Crescem rápido e logo  vão  te dar ainda mais trabalho, te responder, te aborrecer! Sem contar que quando for  velha assim como eu e doente precisar de algum deles, eles ainda te deixam na mão! …  ‘ 

Ela não  parava de falar  sobre o quanto era ruim ter filhos, e queria  de todas as maneiras que eu concordasse com ela,  e eu confesso que parte de mim compreendia o que  ela dizia, e até concordava acerca  da enorme responsabilidade que envolve a maternidade.

tumblr_m6r7nu4ZU01rwi6v8o1_500

No  entanto  sobre o grande arrependimento daquela mulher  em ser mãe, eu não consegui assimilar suas razões, porque elas não  retiram da MATERNIDADE  o belo, o sagrado, o milagre de gerar uma vida.

E durante a conversa  ela falava sobre como  um aborto  poderia ter a ”salvo”  de uma vida infeliz (  será ? ).  Eu sou ABSOLUTAMENTE CONTRA O ABORDO ! Sou  muito contra mesmo, e não consigo  compreender a defesa para o mesmo  vinda de uma mulher  (e ainda mais de  uma mulher que é  mãe).

tumblr_m7r2j3RomH1rtdpjy

Eis porque o aborto é um pecado tão grave. Não somente se mata a vida, mas nos colocamos mais alto do que Deus; decidindo quem deve viver e quem deve morrer. 

Madre Teresa de Calcutá

O aborto não é, como dizem, simplesmente um assassinato. É um roubo… Nem pode haver roubo maior. Porque, ao malogrado nascituro, rouba-se-lhe este mundo, o céu, as estrelas, o universo, tudo. O aborto é o roubo infinito.

Mario Quintana

Dito isso não  vou me estender sobre a questão  do aborto, que pra mim é crime/pecado e ponto final! Ato brutal, cruel e  INADMISSÍVEL de gente sem humanismo!

Mas gostaria  de falar sobre outra coisa muito  importante em relação  a maternidade, família!

tumblr_mfwsxkoj8J1r74nteo1_500

Infelizmente a sociedade  vive  uma época em que o elo mais valioso de cada pessoa, que deveria ser  sua família está sendo tratado como nada.

O padrão  do que é  família mudou muito pra maioria!  Já  não  parece  estar ligado a matrimonio e maternidade.  Hoje  em dia  morar  junto  para muitos é casamento, e ter filho  com alguém  com quem dormiu depois  de uma balada é  considerado ” normal ”.

Acredito até  que é  justamente essa visão  equivocada de família que fez com que muitas mulheres passassem a considerar a maternidade um fardo.

É  CLARO QUE GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA É  UM FARDO ( UMA CRIANÇA NÃO ESTÁ PREPARADA PSICOLOGICAMENTE  PARA CUIDAR DE OUTRA!)

É CLARO  QUE UM BEBE FRUTO DE UMA RELAÇÃO CASUAL   NÃO  ERA ESPERADO … Mas caso seja  sua situação não  faça disso sua razão  para proclamar que  maternidade é  um inferno. 

Por que  se sua  mãe  pensasse  dessa maneira  você poderia nem estar aqui lendo isso! 

tumblr_lbuuxxrv6j1qbi4myo1_500_large


Além  de estar ouvindo muitas queixas das mulheres ao meu redor que tem como lema   a Não Maternidade, ontem uma moça de vinte seis anos  (mãe de um filho de um ano)  falava pra mim sobre o arrependimento de ter tido seu filho * Nota:  Ele fora fruto de relação sexual enquanto ela estava bêbada  numa festa. Desde o nascimento do bebe mora com pai  e super desacredita em matrimonio e família. *

Ela desabafou que não  leva nenhum jeito pra maternidade e que pra ela não há  nada de belo e sagrado nisso.

Por tanto eu devo concordar  que sim, MATERNIDADE é  uma escolha !

Por isso se colocar  em situações que podem a  colocar  no ”risco” dela, também é uma escolha!   Mas não  sendo mulher suficiente pra  lidar com suas escolhas, repito não  saia por ai dizendo que maternidade é  um inferno! 

tumblr_inline_myk8yfAAZh1raf1sh

Eis que os filhos são herança do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão.
Salmos 127:3

Filhos  são  uma benção  ( mas você pode  ousar discordar de Deus se quiser, mas pense bem se filhos não são  uma benção  você é  o que? Afinal de contas você é filho de alguém né rs! )

Eu vejo a maternidade como  algo sagrado  tanto quanto família, aliás é algo que completa de fato uma família (homem e mulher!)  Até  respeito  a opinião de cada um sobre  desde que ela não  seja  ilógica como a ideia de aborto! Abdicar do milagre da maternidade okay!  Tirar de alguém o direito a vida, não!

Anúncios

Matrioskas na pele

tumblr_n48kukLHiD1rhadx1o1_500

Como bem diz a lenda russa sobre as matrioskas, em algum momento da vida de quase todas as mulheres, surge o desejo de ser mãe, e esse é um dos significados  atribuídos a tatuagem  das famosas bonecas russas.

tumblr_mndxdgrL4k1qktivxo1_500

images

large (2)

large (3)

large (4)

Por influencia da lenda sobre as bonecas mundialmente conhecidas como símbolo da cultura Russa,  outro significado  da tatuagem seria o dizer de  Matrioska em sua lenda Na vida, as coisas importantes requerem um pequeno sacrifício”.

large (2)

large (4)

Reza a lenda: Matrioska

Smirnoff-Black-Matrioska-Invaders1

*** O conjunto de lindas bonequinhas chamado Matryoska ou Mamushka, feito de uma madeira parecida com o pinho ( ou de outros materiais ), são compostos de 3 á 8 bonecas que não possuem membros, o que permite o encaixe perfeito de uma dentro da outra. Tudo é pintado no próprio corpo, numa infinidade de variações de temas e cores. Elas são mostradas em trajes típicos da Rússia, e podem também serem adaptadas para diversos outros personagens.
Antigamente se presenteava com essas bonecas às mulheres como incentivo à maternidade e à fertilidade. E também simbolizarem saúde, beleza e sorte para quem as recebe. Além de decorar as bonecas também são utilizadas como simbolo do   folclore e  ainda hoje atraí  a atenção daqueles que criam lendas e contos infantis através de sua representatividade
.***

Reza  a lenda que  um certo  carpinteiro russo   ganhava a vida talhando belos objetos de madeira: instrumentos musicais, brinquedos e etc. Certa  vez  enfrentava o frio do bosque para buscar madeira e assim construir novos objetos, e encontrou o campo todo coberto de uma grossa camada  de neve. À noite fria havia sido difícil. Ele rezou. Toda a madeira que ele encontrava no caminho estava úmida e só lhe servia para fazer fogo e tentar aplacar o inverno rigoroso.

  Abatido pelo cansaço, ele decidiu retornar à sua casa e tentar a sorte no dia seguinte. Quando ele estava dando meia volta, lhe chamou a atenção um tronco de madeira esplêndido, o mais belo que ele havia visto em sua vida. Rápido como um raio ele retornou ao seu estúdio, porém vários dias se passaram até ele decidir o que talhar. Finalmente, decidiu fazer uma preciosa boneca.

matrioska__by_anere

    Era tão bonita, que decidiu não vendê-la para lhe fazer companhia. “Você se chamara Matrioskadisse ele à inerte figura. Cada manhã, ao levantar-se ele falava com sua companheira. “Bom dia, Matrioska” . Um dia, ela lhe respondeu  dizendo seu nome : “Bom dia Serguei”. O carpinteiro se surpreendeu, porém ao invés  sentir medo se sentiu feliz por ter alguém com quem conversar.

matrioskas_2211_630x

Com o tempo, o carpinteiro percebeu que Matrioska estava triste e lhe perguntou o que estava acontecendo. Ela lhe respondeu que via que todo mundo tinha um filho ou filha e ela desejava ter um. “Terei que te abrir e isso será doloroso” – respondeu Serguei.  E ela disse: “Na vida, as coisas importantes requerem um pequeno sacrifício”. E sem pensar  duas vezes ele talhou uma réplica, menor e lhe chamou de Trioska. Ela já não se sentia mais sozinha.

Matrioska_foto

    O instinto maternal se apoderou também de Trioska e Serguei concordou que está também teria um filho, se chamaria Oska. Mas Oska também queria um decendente. O carpinteiro contou que dessa vez a madeira poderia originar uma boneca má. Oska não desistiu. Após pensar, ele talhou um boneco, bem pequeno e com bigode e lhe batizou de Ka. E o colocou em frente ao espelho e disse: “Você é um homem, não pode ter filhos!

    Então colocou Ka dentro de Oska. A Oska dentro da Trioska e a Trioska dentro da Matrioska. Um dia, misteriosamente, Matrioska desapareceu com toda sua família dentro  e o carpinteiro  ficou desolado.


 

Origem

  Mesmo sendo um dos grandes símbolos da cultura russa, as matrioskas se originaram no Japão. E não se sabe ao certo de que maneira chegaram a Rússia, se durante uma exposição de artes japonesas e eram uma representação divina de Fukurokuju, ou se vieram de Moscou como um brinquedo em forma de Fukurum e algum dono de uma loja as adaptou para a cultura russa ( figuras femininas vestidas com trajes tradicionais campesinos ) . Um dos nomes mais comuns das meninas russas  camponesas da época ( final do século XIX )  era “Matriona” e justamente para adaptação das bonecas à cultura do país , lhe batizaram de “Matrioska“. 
No entanto como a lenda acima, se encontra histórias sobre estas bonecas na literatura russa, e as mesmas são  conhecidas no mundo  todo como BONECAS RUSSAS.

shichifukujin-todos-bonecos
Jogo de bonecos de origem japonesa que representa ”Schichi-fuku-jin” Os Sete Deuses da Fortuna .

Na Sérvia, a versão feminina é designada como  babuchka, que significa “avozinha”, enquanto a versão masculina é designada como dyeduchka, “avozinho”.Conta-se que Sergei Maliutin, um pintor artesanal de Abramtsevo, viu uma série de bonecos de madeira representando os Shichi-fuku-jin, os Sete Deuses da Fortuna, encaixados de forma semelhante às bonecas atuais.

083901fc6ca885c930091b20547b7fa1

Russian nesting dolls
Matrioskas 

Artistas modernos estão criando novos estilos de Matryoshkas com animais, retratos e caricatura de políticos famosos, músicos e estrelas de cinema :

*** Em alguns lugares as bonecas são feitas sem a boca, para que não façam pedidos e sim escutem os desejos de seus donos. Ao atenderem o desejo, uma boca deve ser desenhada nela. ***

Em 1913 o entalhador Nikolai Bulytchev bateu um recorde original confeccionando uma matrioshka com 48 peças. E no ano de 2001 foi aberto o Museu da Matrioska em Moscou, o único no mundo que dá a conhecer e difunde a história das bonecas.

Simbologia das matrioskas

As bonecas transportam a ideia intrínseca de maternidade e fertilidade, uma vez que são um símbolo da terra russa. O fato das bonecas mais pequenas saírem do interior das maiores simboliza o ato de uma mãe dar à luz uma filha, e a filha dar à luz outra filha ( como na lenda ), e assim sucessivamente.

fc8aeb75d80c8959f56401644659aaf9

Além disso também sugerem riqueza e vida eterna, e sempre transmitiram uma mensagem simples e duradoura de amor e amizade.

Ver também: Matrioskas na pele/Tatuagens