Leitura leve: Estamos Bem de Nina LaCour

Estamos-bem-500x739
Eu estava na livraria Nobel comprando o livro Histórias de Ninar Para Garotas Rebeldes quando me deparei com a linda arte de capa de  Estamos Bem, da escritora Nina LaCour. Dei uma lida rápida na contra capa e resolvi levar.
Li o livro em menos de quatro dias, entre idas e vindas de ônibus. Achei a leitura bem tranquila, é um livro gostoso de ler (compreenda isto como UM LIVRO QUE NÃO CANSA! e que pelo contrário, mesmo escrito de maneira simples instiga a prosseguir com a leitura).
IMG_1df00c3e8565f2f216804926426f3300
 
O livro é escrito em primeira pessoa, e nos leva a um mergulho na solitária vida  Marin, uma jovem  órfã que morava com seu avô na Califórnia (até que este também morre).
A história é marcada por alguns acontecimentos, entre eles o romance lésbico entre Mari e sua melhor amiga, o que não ocupa muita parte do texto, mas que serve para mostrar a carência e até mesmo sensibilidade da jovem personagem com relação a afeição.
Em suma é um livro sobre a dor da perda e  como essa pode nos afetar.
Gostei de como foi escrito ( principalmente da cronologia  que tornou a leitura leve), houve muita sensibilidade na abordagem da solidão e  perda, de modo que não fez soar exagerado ou melodramático. Nos mostra que a vida sempre irá nos surpreender, de maneiras boas e ruins, mas apesar de ambas tudo muda outra vez… e nos sobrevivemos!
 91EdSzm72nLAutor: Nina LaCour
Gênero: Romance contemporâneo
Anúncios

A magia da disciplina em O Caminho do Guerreiro Pacífico (filme, resenha do livro e dica de quadrinho)

PicsArt_01-13-03.46.17

Hoje eu vim recomendar, um dos livros mais significativos que já li na vida, se trata do best-seller O CAMINHO DO GUERREIRO PACÍFICO

O livro na época de sua edição vendeu cerca de 25.000 exemplares no Brasil, quantidade que considero pouca, diante das  importantes reflexões que o livro proporciona a seus leitores no mundo todo.  Traduzido em vinte idiomas, e até hoje fazendo workshops e seminários  Dan Millman é um desses autores difíceis de ignorar!

DanMillman
Dan Millman é um escritor norte-americano que já publicou 13 livros em um estilo auto-ajuda místico. O mais famoso dos seus livros é “O Caminho do Guerreiro Pacífico”, uma espécie de semi-autobiografia, no qual o autor relata desde a sua vida como jovem ginasta que se preparava para as Olimpíadas, até o seu encontro com o mestre Sócrates, que vai lhe transmitir ensinamentos de transformação interior, que muito tem da filosofia budista.

Vamos a minha historinha com livro :  Era final do ano de 2015 quando acabará de sair de um relacionamento,   e para compor ainda mais minha fase fossa, eu também estava desemprega e doente, pois havia sido diagnosticada com anemia profunda.  Não conseguia sair de casa, então  entre muitos bifes de figado e saladas de beterraba eu assistia a muitos filmes na internet para me distrair, foi então que através do Youtube  que conheci o filme traduzido aqui no Brasil como  Poder Além da Vida  (Título orginal : Peaceful Warrior)

Ter assistido a este filme tão motivante, justamente naquela época foi algo muito importante pois me ajudou muito. Não demorou muito para que eu fosse atrás de descobrir tudo sobre o mesmo, que apesar das alegorias, é baseado na história real de   Dan Millman, que além de escritor (com mais de dez livros publicados) hoje em dia também atua como palestrante disseminando ainda mais a filosofia do Guerreiro Pacífico  

Embora tenha comprado o livro no ano passado, e devorado o mesmo em poucas horas, eu resolvi o reler nos últimos cinco dias com mais calma, para fazer uma resenha por aqui.  Clique aqui para assistir ao filme. 

Sobre Dan Millman

IMG_93d41b7a0758c28f3c193d29ccdf2580

Como livro é dividido:IMG_f8095a2dbec62526e7680eda6b2da2a0Slide de alguns dos meus  trechos favoritos: 

Este slideshow necessita de JavaScript.

RESENHA DO LIVRO IMG_b9683d9966b0adc6b9507003775a02b5.jpg

O livro  se inicia com a entrada de Dan na Universidade, e é justamente durante esse período  como estudante, que o jovem passa a ter pesadelos terríveis com a morte, e caminha para depressão. 

Até que certa vez ,após acordar de um pesadelo, vai até a loja de conveniência de um posto de gasolina próximo a Universidade, e lá se depara com um senhor identifico ao que estará em seu horripilante sonho. Tornando a situação ainda mais enigmática, instantes depois de Dan o ver sentado,  se vira para trás e nota que o  senhor está no teto da loja. Atordoado  o questiona sobre o truque, mas o senhor permanece quieto. 

Seus pesadelos se tornam ainda mais terríveis e frequentes, então Dan decide voltar ao posto de gasolina para obter respostas,  tanto sobre o por que daquele homem fazer parte de seus pesadelos (e por se sentir de algum modo ligado a ele) , e claro, também  para descobrir como o mesmo subiu tão rapidamente ao telhado. E assim nasce uma estranha amizade, entre aprendiz e mestre.

O senhor sábio de aparentes poderes misticos e  respostas filosóficas,  é chamado por Dan de Sócrates, e passa no decorrer de todo livro frases bastante significativas, chegando até a fazer menção de muitas narrativas de cunho filosófico. 

Sócrates encaminha Dan para vida de guerreiro, enquanto o mesmo acaba sendo passado ao pelo leitor, que também é levado a rever seu estilo de vida e seus sonhos.

PONTOS IMPORTANTES DA NARRATIVA 

O medo que Dan possuí da morte

A maioria dos pesadelos do personagem  está relacionado a morte. E esse é um ponto bastante abordado no livro, pois diferente de Dan, Sócrates não teme a morte e o alerta dizendo que ”A morte não é triste. O triste é que a maioria das pessoas não vive.

Durante o livro, situações levam tanto Dan quanto Sócrates a  flertarem com a morte, o que torna o tema ainda mais  expressividade no livro.

O medo do fracasso

Seja como ginasta, seja no amor, ou na vida como um todo, Dan como maioria de nós teme o fracasso, e por isso vive correndo atrás do sucesso. E mesmo se deprimindo e ficando cada vez  mais frustrado, custa-lhe muito perceber que a ” A jornada é o que nos traz a felicidade, não o destino”

Neste ponto Dan é levado a se questionar sobre o porque por trás de suas ações, e encontra assim respostas que o levaram a perguntas ainda mais complexas sobre sua existência.

A ansiedade – A dificuldade do personagem de viver no presente

Outro ponto onde fica  fácil se identificar com Dan, é em relação a sua dificuldade de viver O AQUI, O AGORA. Não é atoa que da um demasiado trabalho a Sócrates ensinar a ele esta lição!

A falta de autocontrole   x   A disciplina de um guerreiro

De irritadiço, esfomeado, falante e  triste,  Dan trilha o caminho do Guerreiro Pacífico rumo uma mudança  radical de vida. A qual se fundamenta nas 3 Regras, que são:

PARADOXO
A vida é um mistério. Não perca tempo tentando entendê-la.
HUMOR
Tenha senso de humor. Especialmente sobre si mesmo. É a força por trás de toda atitude.
MUDANÇA
Nada permanece o mesmo.

IMG_be01c176b7bafc84252814159352501c

Enfim, chega de resenha. e bora mergulhar  de cabeça nessa obra incrível de Dan Millman que rendeu o filme citado no inicio do post, e também uma bela história em quadrinhos,  com ilustrações de Andrew Winegarner. 

 

O Livro, com certeza é a maneira mais profunda de conhecer essa linda história e aprender com as experiencias reais de Dan, mas sim, carrega um dose extra de misticismo e alegorias.

O Quadrinho, por sua vez condensa muito bem o fundamental da história, mas talvez por não ser muito meu estilo, não creio que seja tão expressivo quanto o livro. Já meu namorado que curte quadrinhos, considera  que as ilustrações de Winegarner foram mais eficazes do que o longa quanto a transmitir as mensagens que Millman destaca no livro.

Quanto AO FILME, embora tenha sido meu primeiro e significativo  contato com a história de Dan, confesso que quando comparado ao livro ou mesmo aos quadrinhos, acaba sendo a  versão mais rasa, pois no longa  dirigido por Victor Salva não existe os ares de fabula e misticismo presente nas narrativas, o que acaba por  ter retirado da história partes bem interessantes.

IMG_3cdf3e9a98578fe058476a2e099e1321

PS: TANTO O LIVRO QUANDO O QUADRINHO FORAM LANÇADOS AQUI NO BRASIL, PELA EDITORA: PENSAMENTO.

Tag : Que livro você está lendo?

Essa tag é uma indicação do Di do diversosinfinit8s.wordpress.com e funciona da seguinte maneira: 

Você que foi marcado na publicação vai criar um post do livro que você está lendo ou de alguma obra que queira recomendar para alguém. Pode ser aquele livro que marcou sua vida ou simplesmente queira compartilhar leituras. Você vai inserir uma resenha do livro (pode ser simples) e indicar dois blognautas a lerem a obra, certo?

Então tá. As regras são simples.

  1. Inserir resenha do livro.
  2. Indicar dois blogs afins para que eles possam contar que livros leem ou indicam.
  3. Avisar ao blog que ele foi citado no post, lhe enviando o link do post.
  4. Avisar ao blog que te indicou lhe enviando o link em agradecimento.

Afinal a leitura é a forma mais eficaz de viajar sem sair do lugar.


Estou cheia de resenhas pra fazer,  e ainda tenho livros pra ler, lembram daquele post sobre as compras de Abril ? Pois é, ainda nem li tudo!

E atualmente não ando conseguindo me concentrar em nenhuma narrativa, estou vivendo uma fase bem maluca na minha própria história, e o máximo que tenho feito é lido poesia. 

E eu vou deixar a recomendação de :

2404865

Onde está reunido os poemas mais significativos de Fernando Pessoa.

Autopsicografia

O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.

E os que leem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.

Fernando Pessoa, in ‘Cancioneiro’


Recomendo a todos lerem esse livro!

E indico para responder a essa tag o viciado em leitura Alex e a Vi !