A magia da disciplina em O Caminho do Guerreiro Pacífico (filme, resenha do livro e dica de quadrinho)

PicsArt_01-13-03.46.17

Hoje eu vim recomendar, um dos livros mais significativos que já li na vida, se trata do best-seller O CAMINHO DO GUERREIRO PACÍFICO

O livro na época de sua edição vendeu cerca de 25.000 exemplares no Brasil, quantidade que considero pouca, diante das  importantes reflexões que o livro proporciona a seus leitores no mundo todo.  Traduzido em vinte idiomas, e até hoje fazendo workshops e seminários  Dan Millman é um desses autores difíceis de ignorar!

DanMillman
Dan Millman é um escritor norte-americano que já publicou 13 livros em um estilo auto-ajuda místico. O mais famoso dos seus livros é “O Caminho do Guerreiro Pacífico”, uma espécie de semi-autobiografia, no qual o autor relata desde a sua vida como jovem ginasta que se preparava para as Olimpíadas, até o seu encontro com o mestre Sócrates, que vai lhe transmitir ensinamentos de transformação interior, que muito tem da filosofia budista.

Vamos a minha historinha com livro :  Era final do ano de 2015 quando acabará de sair de um relacionamento,   e para compor ainda mais minha fase fossa, eu também estava desemprega e doente, pois havia sido diagnosticada com anemia profunda.  Não conseguia sair de casa, então  entre muitos bifes de figado e saladas de beterraba eu assistia a muitos filmes na internet para me distrair, foi então que através do Youtube  que conheci o filme traduzido aqui no Brasil como  Poder Além da Vida  (Título orginal : Peaceful Warrior)

Ter assistido a este filme tão motivante, justamente naquela época foi algo muito importante pois me ajudou muito. Não demorou muito para que eu fosse atrás de descobrir tudo sobre o mesmo, que apesar das alegorias, é baseado na história real de   Dan Millman, que além de escritor (com mais de dez livros publicados) hoje em dia também atua como palestrante disseminando ainda mais a filosofia do Guerreiro Pacífico  

Embora tenha comprado o livro no ano passado, e devorado o mesmo em poucas horas, eu resolvi o reler nos últimos cinco dias com mais calma, para fazer uma resenha por aqui.  Clique aqui para assistir ao filme. 

Sobre Dan Millman

IMG_93d41b7a0758c28f3c193d29ccdf2580

Como livro é dividido:IMG_f8095a2dbec62526e7680eda6b2da2a0Slide de alguns dos meus  trechos favoritos: 

Este slideshow necessita de JavaScript.

RESENHA DO LIVRO IMG_b9683d9966b0adc6b9507003775a02b5.jpg

O livro  se inicia com a entrada de Dan na Universidade, e é justamente durante esse período  como estudante, que o jovem passa a ter pesadelos terríveis com a morte, e caminha para depressão. 

Até que certa vez ,após acordar de um pesadelo, vai até a loja de conveniência de um posto de gasolina próximo a Universidade, e lá se depara com um senhor identifico ao que estará em seu horripilante sonho. Tornando a situação ainda mais enigmática, instantes depois de Dan o ver sentado,  se vira para trás e nota que o  senhor está no teto da loja. Atordoado  o questiona sobre o truque, mas o senhor permanece quieto. 

Seus pesadelos se tornam ainda mais terríveis e frequentes, então Dan decide voltar ao posto de gasolina para obter respostas,  tanto sobre o por que daquele homem fazer parte de seus pesadelos (e por se sentir de algum modo ligado a ele) , e claro, também  para descobrir como o mesmo subiu tão rapidamente ao telhado. E assim nasce uma estranha amizade, entre aprendiz e mestre.

O senhor sábio de aparentes poderes misticos e  respostas filosóficas,  é chamado por Dan de Sócrates, e passa no decorrer de todo livro frases bastante significativas, chegando até a fazer menção de muitas narrativas de cunho filosófico. 

Sócrates encaminha Dan para vida de guerreiro, enquanto o mesmo acaba sendo passado ao pelo leitor, que também é levado a rever seu estilo de vida e seus sonhos.

PONTOS IMPORTANTES DA NARRATIVA 

O medo que Dan possuí da morte

A maioria dos pesadelos do personagem  está relacionado a morte. E esse é um ponto bastante abordado no livro, pois diferente de Dan, Sócrates não teme a morte e o alerta dizendo que ”A morte não é triste. O triste é que a maioria das pessoas não vive.

Durante o livro, situações levam tanto Dan quanto Sócrates a  flertarem com a morte, o que torna o tema ainda mais  expressividade no livro.

O medo do fracasso

Seja como ginasta, seja no amor, ou na vida como um todo, Dan como maioria de nós teme o fracasso, e por isso vive correndo atrás do sucesso. E mesmo se deprimindo e ficando cada vez  mais frustrado, custa-lhe muito perceber que a ” A jornada é o que nos traz a felicidade, não o destino”

Neste ponto Dan é levado a se questionar sobre o porque por trás de suas ações, e encontra assim respostas que o levaram a perguntas ainda mais complexas sobre sua existência.

A ansiedade – A dificuldade do personagem de viver no presente

Outro ponto onde fica  fácil se identificar com Dan, é em relação a sua dificuldade de viver O AQUI, O AGORA. Não é atoa que da um demasiado trabalho a Sócrates ensinar a ele esta lição!

A falta de autocontrole   x   A disciplina de um guerreiro

De irritadiço, esfomeado, falante e  triste,  Dan trilha o caminho do Guerreiro Pacífico rumo uma mudança  radical de vida. A qual se fundamenta nas 3 Regras, que são:

PARADOXO
A vida é um mistério. Não perca tempo tentando entendê-la.
HUMOR
Tenha senso de humor. Especialmente sobre si mesmo. É a força por trás de toda atitude.
MUDANÇA
Nada permanece o mesmo.

IMG_be01c176b7bafc84252814159352501c

Enfim, chega de resenha. e bora mergulhar  de cabeça nessa obra incrível de Dan Millman que rendeu o filme citado no inicio do post, e também uma bela história em quadrinhos,  com ilustrações de Andrew Winegarner. 

 

O Livro, com certeza é a maneira mais profunda de conhecer essa linda história e aprender com as experiencias reais de Dan, mas sim, carrega um dose extra de misticismo e alegorias.

O Quadrinho, por sua vez condensa muito bem o fundamental da história, mas talvez por não ser muito meu estilo, não creio que seja tão expressivo quanto o livro. Já meu namorado que curte quadrinhos, considera  que as ilustrações de Winegarner foram mais eficazes do que o longa quanto a transmitir as mensagens que Millman destaca no livro.

Quanto AO FILME, embora tenha sido meu primeiro e significativo  contato com a história de Dan, confesso que quando comparado ao livro ou mesmo aos quadrinhos, acaba sendo a  versão mais rasa, pois no longa  dirigido por Victor Salva não existe os ares de fabula e misticismo presente nas narrativas, o que acaba por  ter retirado da história partes bem interessantes.

IMG_3cdf3e9a98578fe058476a2e099e1321

PS: TANTO O LIVRO QUANDO O QUADRINHO FORAM LANÇADOS AQUI NO BRASIL, PELA EDITORA: PENSAMENTO.

Anúncios

Os erros e acertos na busca pelo amor : Love Me

B-Liebe-Mich-DVD

Eu baixei Love Me no Netflix, e esqueci que o mesmo estava no meu celular. Até que em um daqueles momentos chatos do dia, onde  se fica horas esperando para ser atendido (afim de resolver as burocracias da vida), eu o assisti finalmente!

e8596df0f69fc16a100134b138b7ecbf

 Love Me (cujo o titulo original é Liebe Mich ) é um filme alemão de 2015, que conta  a estoria da  jovem Sarah (Lilli Meinhardt) que apesar dos ares de  adolescente já é uma mulher. E mesmo  um  tanto quanto  rebelde, provocativa, rude e demasiadamente franca, Sarah tem um coração sensível, e por mais que lute para esconder seus sentimentos e sua carência, ela apenas os torna mais evidentes.

Tentando passar a imagem de uma pessoa invencível, Sarah se esforça para esconder sua solidão e  suas angustias. Seja  pelo medo de não encontrar o amor ou de fracassar na área que deseja trabalhar, a personagem  revela medos que todos ou pelo menos a maioria de nós possuí e  também tenta esconder!

tumblr_ofq1tcxMFK1v8rrbko2_500

Liebe_mich_Trailer-de

No começo do filme vemos Sarah em uma cena romântica, com um rapaz com quem supostamente namora. Mas não demora muito para que ele deixe claro de que tudo se trata apenas de sexo e momentos. É então que Sarah durante uma briga, joga seu notebook pela janela.Desesperada, por ter estragado sua ferramenta de trabalho, o leva para um técnico. E logo percebe que este é apenas um recepcionista e não pode ajuda-la.  Corre para pedir a ajuda de seu pai o qual se nega a ajuda-la. 

A partir daí o filme nos leva ver uma sucessão de erros da personagem bastante humana, que se apaixona rápido, se vinga, provoca a madrasta, e  chega a amadurecer tanto a ponto de encontrar formas de lidar com o fracasso, e até mesmo pedir desculpas. 

Assim como outros filmes alemães que já existi, este também carrega uma naturalidade, que o torna demasiadamente interessante sem  se afastar da simplicidade/ e do que é mais real/ possível     diferente da maioria dos filmes. Recomendo!

f6762999da9c73bfde9cb715aa193263353ea195

Um livro que aborda a sexualidade feminina sem meias palavras: Diário De Uma Garota Normal

Eddard Stark

Minha historinha com livro:

Há algum tempo …

Voltando de uma viagem, meu namorado e eu passamos numa pequena livraria de terminal rodoviário. E foi o Leo (meu namorado) que ao ver a capa resolveu me mostrar o livro.

Creio eu que ele deve ter feito isto por duas razões, primeira: A ARTE DA CAPA/porque amo vermelho, e amo livros ilustrados, segundo: porque era nítido que o ‘’normal’’  no título era um tanto quanto  irônico.

Eu foliei o livro, li a contra capa, e resolvi levar (ou melhor dizendo, ele me deu de presente!). Mas não demorou muito tempo para perceber que seria uma leitura um pouco cansativa, pois  o livro é bastante extenso e rico em detalhes, além de que a personagem é um tanto quanto chatinha e exageradamente rebelde, o que soou bastante genérico no início.

Próxima do final do livro percebi que a personagem era definitivamente, uma garota perdida! Perdida em vários sentidos, sendo os principais: o fato de ser adolescente, o fato de ter um pai ausente, e possuir uma mãe totalmente irresponsável. E também por crescer numa época onde a juventude tinha por obrigação se rebelar (ainda que sem motivos!)… pra ajudar a criaturinha ainda se apaixonou logo pelo padrasto, com o qual vivia no início uma relação conturbada de sexo casual. Enfim, vamos a resenha:

Minnie é uma garota 15 anos que mora em São Francisco, ama desenhar (e pretende levar seus desenhos a sério e um dia trabalhar com isto) e resolve registrar sua adolescência de uma maneira bem ilustrada num diário. Seu relato da puberdade é bastante detalhado, e não deixa de fora todos os segredos que normalmente os jovens gostariam de esconder de todos.

Diferente da maioria das garotas dessa idade, Minnie não tem receios de abordar sua relação com o sexo, descrevendo detalhes dos encontros amorosos com o namorado de sua mãe, e seu enorme interesse por outros rapazes. Além disso discorre também sem medo sobre sua relação com as drogas.

maxresdefault

Sem sutilezas ou romantismos o livro nos leva a ver o quão rebelde a jovem Minnie é, o que toma um ar quase mirabolante. Mas aos poucos percebemos que sim, Minnie é apenas uma garota normal, insegura com sua aparência, descobrindo o mundo (e apesar das suas experiências diferentes, digamos assim)  tudo o que ela deseja é ser amada, seja por um homem ou por seus pais.

tumblr_ltf9gvj4gk1qgl98no1_500

Obs: O que me lembrou bastante um filme que assisti no Netflix que se chama LOVE ME (ver post AQUI) <

Minnie da voz  a um tema tratado como tabu que é a sexualidade feminina, da qual mau se fala, e quando se fala, é geralmente tratada por homens , ou mesmo por mulheres com certo receio. E um ponto bastante interessante na leitura, é a maneira como a adolescente nos mostra que o universo adulto  pode ser mais cáustico que a própria adolescência, ou que talvez a adolescência só seja caótica justamente por ser essa passagem da infância para um universo de egoísmo e joguinhos ‘’adultos’’.  Pois ficamos a pensar que apesar da personagem ser rebelde, o problema não está nela e sim no adulto que a assedia, na mãe  alcoólatra e que se mantem distante, e no próprio contexto com a qual a juventude da época (1960) estava lidando.

"Everything is so loveless and mediocre"

Fui levada a acreditar durante a leitura que o ápice  do livro seria o suspense sobre a mãe da personagem vir a encontrar seu diário, e de repente surtar com ela. Mas aos poucos se vê que este livro tem o propósito de contar realmente uma estória que nos faça refletir, e sobre tudo não mistificar a sexualidade feminina, pois esta é natural, normal.

Quando vi a foto da autora na capa do livro, e juntando os fragmentos lidos, eu suspeito assim como os críticos de que este é um livro totalmente autobiográfico.

gloecknercollage

Sobre a autora: Phoebe Gloeckner nasceu na Philadelphia e cresceu em San Francisco. Seus quadrinhos apareceram pela primeira vez em publicações underground quando ela era ainda adolescente. Hoje, é aclamada pela critica por sua coleção de historias, quadrinhos, pinturas e gravuras.

Fica aqui minha recomendação para quem curte a abordagem do tema. 

Editora: Faro Editorial –  302 Páginas


valkirias-diario-de-uma-garota-normal

Vale lembrar que o livro ganhou uma adaptação para o cinema em 2015 (que eu ainda não assisti), trailer abaixo: 

Insólito, romântico,poético e baseado em best-seller francês (disponível no NetFlix): Jack e a Mecânica Do Coração

1946122-concours-jack-et-la-mecanique-du-coeur-votre-enfant-dans-un-moment-d-amour

Estava procurando algo para assistir no Netflix, e me deparei com Jack E A Mecânica Do Coração (2014). Não costumo assistir animações, mas o filme  me chamou bastante atenção tanto pela sua belíssima arte, quanto  pela sua sinopse interessante.

Já cansada de ver mais do mesmo na plataforma streaming, eu pensei Por que não? 

E acabei por descobrir uma estória linda, que será a minha primeira recomendação á vocês este ano! 

A mãe de Jack está a beira de congelar no alto de uma colina coberta de neve, quando finalmente é socorrida pela parteira Madeleine (meio feiticeira), e da a luz ao pequeno.

Mas por ser um dia  frio (tãoooo friooo!), o coração de Jack congela.

E daí eu já pensei Poxa que filme triste!

Mas para salvá-lo, Madeleine substitui seu  coração por um relógio.

Isto é quando o filme (ao meu ver) começa a ganhar nuances do estilo Tim Burton.

A essa altura é difícil já não ter se afeiçoado por Jack, um menino  ingenuo (que sofre demasiado bullying na escola por ter um coração de relógio cuco), cheio devaneios e obstinado a reencontrar sua amada.

Daí fiquei sem saber se torcia por ele e Luna, ou se torcia pra ela não acha-la e ficar vivo.  Mas contrariando meu desejo, o  belo romance leva Jack a uma  aventura  com direito a susto de Jack Estripador,  e  uma amizade  como Georges Méliès. 

Se eu contar mais vou dar spoiler  (trailer abaixo): 

A direção do filme  é por conta de  Stéphane Berla (não, não é Tim Burton!). Com apoio do Roteirista: Mathias Malzieu  (músico francês  e autor do livro no qual se baseia a animação *  Malzieu também faz a voz de Jack ).

Abaixo duas versões da capa do livro aqui no Brasil: 

Pretendo  ler o livro (e fazer resenha aqui no blog), de tanto que gostei da animação, e a julgar pelo primeiro capitulo disponível aqui , o filme é provavelmente o reflexo de um excelente livro. 

N.º Páginas: 192
Editora: Contraponto

 

Retrospectiva 2017: RELEMBRANDO LUGARES ONDE ESTIVE

Feliz Ano Novo (6)

Eu tenho a impressão de ter vivido uns três anos dentro de 2017,  pareceu que neste ano coube muitos acontecimentos, principalmente se tratando de lugares onde estive. 

Este com certeza foi o ano que menos fiquei em casa, quando não estava no trabalho ou no cinema, estava em alguma exposição, ou visitando algum lugar diferente. 

Resolvi separar aqui  um pouco dos melhores lugares por onde estive, e falar um pouco sobre a relação que tive com cada um deles, e a memória que fica…

CONHECI O BANCO BSP (12)

Vou começar relembrando minha visita ao BSP (Banco de São Paulo) que aconteceu numa manhã chuvosa muito especial, na companhia de um dos meus melhores amigos (LUCAS!). 

Eu já fiz uma postagem aqui, falando sobre esta visita, mas resolvi cita-la nas melhores por conta da sensação maluca que senti ao ver algo tão antigo. Foi uma quase viagem no tempo rsrs!

Fomos muito bem recebidos por lá, e eu tirei muitas fotos pra guardar pra sempre a belíssima arquitetura deste local.   { Para ver meu post sobre,clique aqui ! }

E por falar em lugar antigo, mas recentemente fiz uma visita ao MUSEU DO CAFÉ, que fica instalado no edifício da antiga Bolsa Oficial de Café, e tem como principal objetivo preservar e divulgar a história do café no Brasil e no mundo por meio de suas exposições e atividades culturais.

CONHECI O BANCO BSP

Todo mundo sabe que sou louca por museus, e sempre que via as belíssimas fotos do local aumentava muito minha vontade de conhece-lo, até que finalmente este ano, tive o prazer de estar lá com meu amigo (parceiro de passeio 4ever *Lucas é claro!), e meu namorado.

Site oficial do Museu: http://www.museudocafe.org.br/

Pela nossa viagem juntos esse foi por si só um dia muito especial,  tanto que rendeu um bate e volta na Praia do Gonzaga (local que eu não também não conhecia)  e  claro uma passada na  Pinacoteca  Benedito Calixto (que onde também estive pela primeira vez).

CONHECI O BANCO BSP (1)

Com certeza não é uma das melhores  praias onde estive, pois no dia em questão nos deparamos com muita sujeira por lá, e água estava bastante escura.

Mas nos pareceu um lugar seguro para tirar  muitas selfies rsrs …

Ah e aqui vai algumas fotos ”artísticas” que tiramos na Benedito Calixto

Site oficial da pinacoteca: http://pinacotecadesantos.org.br/

Eu nunca havia ido a um AQUÁRIO antes, e decidimos visitar o Aquário Municipal de Santos :

IMG_20171203_150352

Muitas fotos e boomerang’s/videos de tartarugas,tubarões, peixes e outros seres marinhos deste dia podem ser vistas no meu instagram @jaqueinsolita

Pretendo em breve fazer uma postagem especial tanto sobre este Aquário, quanto sobre um outro lugar que  maioria das pessoas normais já foi, e que eu nunca havia visitado, que é o ZOO São Paulo. Existe toda uma polemica envolvendo lugares onde os animais ficam expostos como atração (sendo nem sempre bem cuidados), e eu pretendo ainda abordar o tema por aqui. Mas por enquanto deixo aqui alguns dos meus registros durante um ZOO SAFARI feito no Zoológico de São Paulo : 

CONHECI O BANCO BSP (2)

Ainda falando de viagem, eu não poderia deixar de citar como tendo sido um dos lugares mais especiais onde estive, minha breve, mas muito linda viagem á bela cidade de Vinhedo.

Como já dito aqui anteriormente, em um post sobre esta viagem, foi deverás especial para mim conhecer o local, pois ele esta ligado a um grande projeto pessoal, que se Deus quiser estará prontinho em 2018! ❤

CONHECI O BANCO BSP

Tenho uma grande amiga (Alessandra) que pretende, e será uma grande atualmente na área do direito. E ter conhecido o lindo espaço que o Castelinho Conde de Sarzedas disponibiliza foi um mergulho de cabeça no universo da best!

A visita  também rendeu um post, que pode ser visto, clicando aqui << 

CONHECI O BANCO BSP (3)

Meu momento nerd do ano, foi muito bem vivido na exposição A ERA HEROICA, que destacou  a arte  cheia de movimento do  desenhista brasileiro altamente conceituado Ivan Reis.

POSTAGEM NERD  >> AQUI!

CONHECI O BANCO BSP (4)

Mas com certeza minha exposição favorita do ano, foi Desvandando Universo de Amélie Poulain, com curadoria de Hugo Umberto Carmesim.

A mostra teve entrada gratuita,contou com  100 obras e 5 itens decorativos que destacam a ótica de diversos artistas plásticos sobre o filme.

Esteve em cartaz no piso TS do shopping Frei Caneca, até 15 de outubro de 2017. Na época que postei fotos da minha visita por lá no instagram, muita gente me chamou para perguntar onde era, e eu respondi  á todos, mas estava até agora devendo as fotos por aqui, então lá vai uma chuva de Amélie no slide abaixo: 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Meu namorado que é um grande fã de Legião Urbana vai discordar de mim ( junto de muitas pessoas rsrs),
de que a melhor mostra do ano foi promovida pelo Mis, onde era praticamente possível conhecer rsrs Renato Russo.
E eu não poderia deixar de cita-la entre os melhores lugar por onde estive este ano. Então confere aqui , uma postagem especial
sobre nossa visita ao Renato! rsrs

CONHECI O BANCO BSP (6)

Agora é hora de citar dois lugares muito floridos  onde estive este ano, o primeiro deles rendeu postagem aqui no blog, que é um lugar que  amei conhecer e pretendo visitar novamente em 2018, o BOSQUE DAS CEREJEIRAS!

CONHECI O BANCO BSP (9)

O segundo lugar era sonho de criança, o CATAVENTO (próximo ao terminal Parque Dom Pedro no centro de SP). Finalmente conheci o maravilhoso Borboletário do local (Endereço: Praça Cívica Ulysses Guimarães – Brás, São Paulo – SP, 01015-090), e claro trouxe comigo algumas fotos!  { Super recomendo a visita ao local! }

Screenshot_20171230-213753

CONHECI O BANCO BSP (5)

Um local que pretendo com certeza revisitar é o Instituto Tomie Ohtake, que já chama atenção por fora, devido sua arquitetura impressionante! E  ainda mais  por dentro, pois além de contar com todo um acerco da grande Tomie, traz sempre grandes exposições.

Vale apena visitar !

{ Endereço: Av. Brg. Faria Lima, 201 – Pinheiros, São Paulo – SP, 05426-100 }

CONHECI O BANCO BSP (11)

Outro lugar que com certeza voltarei, é o famoso Beco do Batman!

Estava meio tímida, como vocês podem ver nas fotos deste post, mas em 2018 prometo ser uma modelo melhor! ;DCONHECI O BANCO BSP (7)

Chegou a hora de falar de shows, e uma antiga promessa que tinha com meu grande amigo Lucas… Desde que nos conhecemos prometemos um ao outro que iriamos junto ao Show do Marcelo Jeneci (pois esta é uma das nossas paixões em comum!)

Este ano  cumprimos nossa promessa, e curtimos um belíssimo show do cantor no Teatro Eva Wilva na zona leste de São Paulo!

Foi com certeza uma noite inesquecível!

CONHECI O BANCO BSP (8)

E ainda falando em show, e noite inesquecível, eu não poderia deixar de citar uma das melhores noites de 2017, em que pude conferir o Show de lançamento do cd ”NO SEU QUINTAL” , da melhor banda de rock do planeta (minha banda favorita lógico!) RESGATE!

Vale lembrar que esta também foi a noite do casamento do meu irmão, no qual eu era madrinha. Mas sim, eu deixei a festa, p/ conferir o show!

Esta também é a primeira vez na vida que usei um vestido longo (e sim eu detestei a experiencia, e também a cor escolhida para as madrinhas!)

O álbum está incrível, essa banda parece vinho, quanto mais o tempo passa, melhor fica!

Screenshot_20171230-224722


20170809142259_WV1502299379W598b44f39acca.58

Como disse no início desse gigantesco post, eu fui muito ao cinema (talvez um dos anos em que mais fui ao cinema), então claro vou nomear os melhores filmes deste ano!

Que para mim foi Animais Famintos ( Já citado AQUI – E absurdamente esnobado pela porcaria do Oscar! ). E o outra também com o charmoso Jake, (ficção que surpreendeu) intitulado VIDA ( o qual comentei por AQUI, que foi minha estreia em um Cinema SP CINE,vale apena conhecer mais sobre clicando AQUI  << )


Antes de ir para o gran finale, eu preciso dizer que foi uma experiencia ter revisitado o Planetário  Professor Aristóteles Orsini, também conhecido como Planetário do Ibirapuera,local que eu não ia desde a infância.  ( Confira AQUI < )

E eu não poderia deixar de citar por aqui a SALA SÃO PAULO, onde conferi pela primeira vez na vida uma ORQUESTRA !

O concerto ficou por conta dos talentosos músicos da Orquestra de Heliópolis, que transformaram a manhã do meu domingo em uma experiencia mágica!  

IMG_20171015_105643


E agora sim, o último mas não menos inesquecível local que visitei !

Eu já estive no RJ em meados de 2011 (visitei Búzios!) e este ano tive o convite irrecusável do namo para (conhecer  sua mamis, ou seja minha sogra rs!) ir conhecer sua terra de Natal (no Natal rs!). 

A experiencia foi incrível do começo ao fim, ( e como meu instagram já está puro Angra dos Reis ) vou deixar por aqui apenas algumas fotos dessa viagem maravilhosa :

Agradeço a Deus por todos os lugares lindos que conheci este ano, por todas as novas descobertas, todos os novos amigos, enfim todas as novas experiencias! 

Para ver meus post de reflexão sobre acerca de 2017  {  CLIQUE AQUI !  }

viagem

Bom humor, efeitos especiais e o heroísmo de LIGA DA JUSTIÇA

justiceleague-800x381

Quem me conhece/conhece o blog, sabe muito bem que filmes de heróis estão longe de serem meus favoritos. Mas no fim de semana reuni alguns amigos para irmos ao cinema, e por voto da maioria, assistimos LIGA DA JUSTIÇA.

Não esperava muito do quinteto de heróis  e acabei me surpreendendo! O filme  está recheado de cenas de humor, excelentes efeitos especiais, e apesar da historinha fraca tipica de filmes do gênero, traz ainda sim, uma boa sensação de diversão. 

tumblr_oaxxp050Or1r460jmo2_500

tumblr_oaxxp050Or1r460jmo1_500.gif

182706-o-papel-de-flash-ezra-miller-em-esqua-624x0-1.gif

Confesso que me encantei com o personagem FLASH (interpretado pelo cantor e modelo  Ezra Matthew Miller), que fez piadas/caras e bocas o filme todo, e garantiu boas risadas.

liga-da-justica-rico.gif

Puro entretenimento !  Recomendo! 

A vida EXTRAORDINÁRIA de Auggie nas telonas

DOy6H-dU8AAfyw3

Aqui no blog é possível encontrar a resenha do extraordinário livro de R.J.Palacio (basta clicar aqui << ) E justamente por ter gostado tanto do livro, registrei por aqui a espera pelo longa ( veja *Post do book trailler * Post de quando saiu o primeiro trailler do filme )

Mas este ano o filme finalmente estreou no Brasil, e claro que, logo que pude fui conferir!

Fiquei super orgulhosa do resultado da obra nas telonas, e estou ainda mais fã do pequeno Jacob Tremblay ( famoso por se destacar em O QUARTO DE JACK ).

Mas não foi só Jacob que se destacou, todo elenco infantil mandou muito bem, e as minhas outras duas atuações favoritas foram a das atrizes Izabela Vidovic interpretando Via irmã do Auggie , e da pequena  Millie Davis interpretando a grande amiga Summer. Ambas foram muito fiéis ao modo como as personagens são no livro, o que torna sempre uma adaptação digna!

No elenco adulto… Me perdoe Julia Roberts, mais Owen Wilson roubou a cena! Como na maioria de seus personagens, Owen interpretando o pai de Auggie esbanjou simpatia e bom humor, o que fez com que o personagem  fosse ainda mais amado pelos fãs do livro.

3722861.jpg

Na minha opinião a adaptação ficou linda, mas se me perguntassem se senti falta de algo que vemos no livro, eu diria que, senti falta da força maior (que da esperança e empenho nas lutas de Auggie, e sua família), que seria a fé  na qual a família no livro  está tão bem alicerçada.

No livro  vemos  o personagem encontrar forças para lidar com as dificuldades enfrentadas por conta de sua deformidade no  versículo de 1 João 5:4 : Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo, a nossa fé. 

Já no longa  toda força vem do elo familiar, amigos e gentilezas de estranhos. Seria bom ter mostrado de onde procede toda a benevolência e amor, uma vez que como sabemos ela não partiria normalmente da nossa  ”humanidade” . Até porque se partisse naturalmente de nós, livros como estes não precisariam serem escritos, e virarem filmes não é mesmo?

Em todo caso… seja como for, espalhe amor por onde for! ❤