Aceite

O amor partiu, aceite!

É sede o que fica, mas tudo bem, o mundo é amor

Toda dor é maré, logo passa, aceite!

O amor sempre vem, sempre vai

Ele afoga e traz o folego 

É  naufrágio, depois volta a ser sede 

A dor passa

Mas o amor aceite, é pra sempre 

29.12.16

 

Anúncios

Que tal uma vírgula ? (O VENDEDOR DE SONHOS)

Ontem eu tive o privilégio de conferir o longa baseado na encantadora obra Augusto Cury, O Vendedor de Sonhos (O CHAMADO). E embora tenha lido o livro em meados de 2011, ao assistir vivenciei novamente as emoções que me tomaram através da leitura. O filme de fato transmiti a bela mensagem da obra.Onde o autor de psiquiatria  exalta a vida, a amizade, o perdão, e principalmente a importância da família.

Sem dúvida nenhuma, vale muito apena conferir o filme com direção Jayme Monjardim nas telonas!

Resumo: Júlio César interpretado por Dan Stulbach, era  um psicólogo renomado,  que se sente demasiadamente frustrado por não ter conseguido ajudar o próprio filho, se culta e se martiriza, a ponto de tentar cometer suicídio, mas então impedido  por mendigo bastante sábio (interpretado por César Troncoso). Nasce então uma insólita amizade  entre os dois, que passam juntos a ajudar outras figuras peculiares a colocar uma vírgula na vida, deixando para traz o ódio, as frustrações ou mesmo a dor dos que partiram.

Observação: Como a trama foi compactada em 85 minutos, não há na adaptação a  mesma riqueza de  detalhes  do best-seller , recomendo por tanto se possível antes de tudo a leitura no livro.

NOTA : 10

SENSAÇÃO: reflexiva

 

Resolução sobre os amores de outrora

large-12

Vivo esbarrando nos velhos amores

Amores de ontem, amores de outra fase 

De quando tinha  outro coração, o coração ingenuo de antes  das dores 

De antes de compreender o sentido daquela frase …

O ‘ Eu te amo ‘ se diluiu em lágrimas, se desfez assim o amor de outrora 

Outra história se fez, voltei a vida

Resplandeceu a aurora 

Reacendeu a chama ávida 

 

Vivo é verdade, esbarrando nos velhos amores

Eles me encontram nas estações de trem, nas menores livrarias da cidade, nos dias mais chuvosos, e até nos domingos de sol 

Os encontro até sem te-los por perto, pois continuam aqui, na memória

E devo confessar que cada um deles, fora único e inesquecível

Mas se foram!

Não partiram de todo é verdade, alguns nunca nem existiram 

São  só uns ”quases” que perambulam a hipótese do infinito inexistente 

Foram só olhares, gestos, palavras ao acaso …

Tentativas… erros… tentativas, nada mais do que tentativas !

Mas tenho certeza de que não eram pra ser 

Should I Stay Or Should I Go?

tumblr_ldfthwexqm1qclwmjo1_500

Depois de tanto tempo … voltei! \o/

E devo confessar o quanto tenho sentido falta de escrever (pra variar), não só aqui no blog, mas nos meus velhos cadernos, e até mesmo no bloco de notas do celular.
Não estar em contato com a escrita me faz mau, me faz realmente muito mau. Sinto que se não puder traduzir o que sinto/penso/vivo em palavras, é como se não existisse sentido em certas ações.
Sim, isso tem haver com crise existencial (o que ocorre com frequência como sabem)! E decorrente de todos os questionamentos trazidos por ela, aqui estou para tentar transcrever minhas razões de reflexão (e claro as reflexões sobre também!).
Mais do que nunca meu insólito eu perambula atormentado por memórias e questões complexas de existencialismo.

Continuar a faculdade? ( Isso é mesmo o que quero? Se quero, porque quero? )
Esperar o que do futuro próximo de 2017? ( Sair de uma vez por todas de 2015, e compreender 2016 até aqui )
Depois de tudo, o que é o amor para mim afinal? …

One day is fine, next is black …
This indecision’s bugging me
If you don’t want me, set me free
Exactly who’m I’m supposed to be
Don’t you know which clothes even fit me?
Come on and let me know
Should I cool it or should I blow?
Should I stay or should I go now?
If I go there will be trouble
And if I stay it will be double
So you gotta let me know
Should I cool it or should I blow?

Nunca sei exatamente como proceder, nunca sei lidar com essas coisas em volta e essas coisas de dentro…
Nunca sei se acabou realmente, nunca sei como teria sido se continuasse, mas também não sei como será …
Não argumento mais pelas razões corretas, nunca mais tenho tido certeza desde de …
Todas as minhas frases passaram a ter reticencias, todos meus amores passaram a ser páginas que vivo tentando reescrever. Toda minha vida tem sido a justifica que tento dar aos meus sonhos. Meus sonhos tem sido interrompidos por um despertador, minha mente tem sido adormecida pela realidade.
Flashes e escuridão. Luz e sombras, a miopia da alma. Viver tem me feito morrer.
Estou procurando não sei bem o que. Estou indo não sei por onde, para algum lugar que não quero.

Mas vivo me perguntando se devo ficar ou partir …

Se devo amar ou deixar …

Se devo continuar ou recomeçar …

Será que tudo pode um dia ser como sonho, ou simplesmente tudo irá permanecer a ser como é agora?

Será que em algum momento, músicas de punk rock irão parar de fazer sentido pra mim?

Ou será que um dia ei de encontrar o sentido por trás de cada coisa, e músicas serão só músicas, memórias apenas memórias?

Um filho de Deus

noite-de-luar

Por onde quer que eu fosse sempre via pelo caminho um menino, desses que você se desvia porque considera ser só mais um menino de rua

E todo menino me parecia sempre o mesmo, sem brilho no olhar, sem calçados nos pés

Mas certa vez um deles me roubou a atenção, pois de uma maneira apaixonada fitava a lua

Ou talvez ele olhasse para cima buscando uma resposta, algo que pudesse lhe explicar o porque de sua vida revés

E temi que a lua lhe dissesse que estava fadado a não ter o mesmo direito que os outros

Que seria sempre assim

Uma vida de frio, fome, admirando o céu sobre escombros

Era só um menino, e como todo menino apenas gostaria que a vida lhe dissesse sim

Ao menos uma vez

Ele tinha esse direito

Porque todos temos de desfrutar da vivez

Por isso sei que ele queria ser mais que um qualquer, chamado garoto de rua

Queria receber da sociedade ao menos respeito

E a certeza de também ser um filho de Deus ao contemplar a lua

 

Jaqueline Bastos

Jackie & Ryan (Um filme) : Singelo mas lindo

Folk e acaso são os protagonistas da história de amor sem medidas  de Jackie (Katherine Heigl) uma ex cantora de  música country e Ryan ( o lindo Ben Barnes ) um artista folk nômade.

960

Andarilho e aparentemente determinado, Ryan é um desses personagens intensos que carregam consigo um mistério  e charme que envolto em música folk, ficou simplesmente lindo de ver e ouvir.

Ryan esta se apresentando com seu amigo na rua para ganhar uns trocados, quando uma de suas espectadoras chama sua atenção, a loira Jackie, que o questiona sobre ter composições próprias. 

Mais tarde Ryan avista Jackie atravessar a rua distraída no celular, é quando então Jackie é atropelada e Ryan a socorre imediatamente, deixando para trás sua mochila ( que é roubada no curto espaço de tempo). 

Jackie então o convida para jantar em sua casa para agradecer o favor. E  assim passa a saber mais sobre o cantor, e sem  querer acaba por revelar a ele mas de si ao expor  sua luta  pela guarda da filha, o que acaba por uni-los de uma maneira rápida e intensa .

O filme é rápido e muito gostoso de assistir, a trilha sonora é maravilhosa. Além é claro  de contar com o charme inigualavel da barba de Ben Barnes! rs

Não sei se é porque  tenho andado sensível ( e  pensando muito em certo alguém ), mas o filme apesar de ser tão singelo, me arrebatou a mil e uma ideias sobre como o amor surge de maneira imprevisível, e muda o rumo de tudo …

é ando apaixonada rs! 

tumblr_inline_o2m85i6i6x1u0epj5_540

Título original : Jackie & Ryan – No Brasil : Jackie e Ryan AMOR SEM MEDIDAS

Ano : 2014 

 

#recomendo!

 Letra  da maravilhosa  SouthBound ‘

I’m heading southbound, long way to go
down to where the weather go’in suit my clothes
police can’t catch me

lord how they try
they always miss me when im passin by, im passin by
i threw all my things in a bag of thought
down one lost dollar boy and that is all i got
well i found all my friends just so i could good bye
i couldn’t hold it down but god how i try
some god religion and it just can’t win
well i take to hard drinkin and i push my feelings in
im leaving town and all the people that i know
and well im drunk still tonight and that fright train my home
im headed south bound, long way to go
down to where the weather is go’in suit my clothes
police can’t catch me, lord how they try
they always miss me when im passing by, I’m passin by
rains pouring hard makes some steery sound
900 more miles and ill be doing just fine
and if the moon and the stars are the only shelter that i know
i guess i got this whole world and you to call me home
to call my home
to call my home
to call my home

TAG: Um coração igual ao de Deus

wp-1472412267706

Fui indicada pela abençoada Vick Santos ( autora do Blog Coração Igual Ao Teu ), para
participar da TAG criada por ela, intitulada Um coração igual ao de Deus.
Basicamente da TAG consiste em colocar o logo da tag; Colocar o nome do site que te indicou e linkar; e claro indicar blogs cristãos para responder ( as perguntas feitas pela Vick).
Lá vou :

1- Que horas você prefere buscar a Deus?
Sinceramente não tem uma hora especifica, mas sempre busco por momentos em que estou só ( como por exemplo no meu quarto).

2- O que você pensa sobre jejum? E como você faz?
Penso que deve ter proposito. Não fiz muito, mas os que fiz proporcionaram resultados!
Sempre busquei faze-los com proposito, e acompanhados de orações.

3- Qual período que você acha melhor estudar a bíblia?
Sou sincera em dizer que não tenho estudado a Bíblia, apesar de pai teólogo e
praticamente todos os dias em contato com a Palavra no corre e corre do dia ( através de pregações no smartphone ), eu não tenho reservado um tempo para.

4-“Todo filho escuta seu pai”. Como você reconhece que algo é da vontade de Deus?
Busco me basear na Palavra, portanto fico atenta se vai de acordo ao que ela diz. Em segundo peço direção ao Espírito Santo. Geralmente o que penso ser um sexto sentido é um aviso do Espírito, é o que sinto!

5- Qual versículo da bíblia mais mexe com você?
O amor nunca perece; mas as profecias desaparecerão, as línguas cessarão, o conhecimento passará.
Pois em parte conhecemos e em parte profetizamos;
quando, porém, vier o que é perfeito, o que é imperfeito desaparecerá.
1 Coríntios 13:8-10

6- Você tem um sonho de fazer algo para Deus? O que?
Sim. Cumprir as missões que me foram dadas, cumprir meu chamado!

7- Como você consegue na correria da vida buscar ter intimidade com Deus?
Muitas pregações online, de Lucinho á Yossef!
E claro muito som do RESGATE! \o/ ( no celular e claro ao vivo … não importa o nível de correria se tiver um show deles em SP eu vou!)

8- Que dica você daria para novos cristãos a respeito de como entender a bíblia?
Busque sentir o que as mensagens nela passam, apenas sentir… pois o tentar ENTENDER tudo de inicio é muito, muito complicado!
A compreensão virá através do sentir, se permita absorver as lições ainda que não entenda tudo claramente. Pois é vivendo a Palavra, que iremos realmente entender o que ela significa!

9- Qual pregação te marcou? Quem pregava? E o por que te marcou?
Essa aqui abaixo … Pastor Lucinho … Me marcou por perceber que vivo enrolada com as coisas dessa terra ( ao invés de ter a forma do meu chamado ) …

Assistam !

11- Já sacrificou algo para servir a Deus?
Sim .

12- Para você o que é amar ao próximo?
Fazer para os outros o que gostaria que fizessem por mim.
Não fazer aos outros o que não gostaria que fizessem a mim.

INDICADOS :

Thiago Cruz do inludere.wordpress.com

Nathuanny do einegrinha.wordpress.com

Agda Marianne do toqsutil.wordpress.com