No solo

144427-Mountain-Peeks

Receio ter de confessar 

Confessar a mim mesma

Ainda não subi essa montanha chamada tentativa

Fiquei zonza de dar voltas em vão  sobre o solo 

Não contei a verdade a alguém que merecia ouvi-la

Não o beije naquela oportunidade

Nem ouvi meu coração

Tive medo de tentar

Mas do que o medo de permanecer  aqui

No solo

 

Ei Hig eu fui embora,mas continuo aqui

E não tem chovido muito esses dias

Não  há  mar pra afogar isso que sinto

Só há solo

E essa montanha pra me lembrar você

Tudo que não  disse, tudo  que não  fiz

Tive medo de tentar

Mas do que o medo de permanecer  aqui

No solo

Anúncios

4 comentários sobre “No solo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s